Eis a razão

Eis a razão pela qual meditamos – para que nos possamos tratar a nós próprios mais compassivamente; para que melhoremos as nossas relações com os nossos amigos, a nossa famílida e a nossa comunidade. Para que possamos viver vidas de maior ligação com os outros. E para que, na face da adversidade, nos mantenhamos em contacto com aquilo que verdadeiramente prezamos e possamos agir de forma consistente com os nossos valores.

Sharon Salzberg, “Sticking with It”

  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: